Arquivo de tag bgg

PorThe Sage

Intercepte as mensagens inimigas e as decodifique! Envie as mensagens para seus aliados evitando que sejam interceptadas e vença essa guerra.

Em Decrypto cada time tem palavras secetas pra usar como base de um código e transmitir uma sequencia de números para seus aliados.

Seus adversários estarão tentando fazer o mesmo simultaneamente.

Para tanto cada time recebe 4 palavras que colocará em um anteparo que permite que as vejam relacionadas a um número.

O agente tentando passar uma informação saca uma carta de disquete e vê a sequência que tem que transmitir. Anota 3 palavras para indicar a senha na carta sem ser muito óbvio, pois o inimigo está na escuta e sem ser muito misterioso, pois seu próprio time tem que entender. Então ambos os times tentam descobrir a sequência.

Erre duas vezes e seu time falhou. Acerte duas vezes a de seu inimigo e você conseguiu desmantelar os planos!

Um rápido, divertido e simples jogo para festa ou filler, Decrypto funciona melhor a partir dos 6 jogadores.

Recomendado para 4-8 agentes a partir dos 12 anos, garante uma experiência diferente se jogado vezes seguidas com o mesmo grupo, quando se desenvolve uma certa sutileza para se comunicar com aqueles amigos, e quando se joga com pessoas novas, tendo que se adaptar e aprender rapidamente sobre como elas comunicam suas idéias.

Certeza de muitas risadas, Decrypto veio para se juntar ao ótimo “codenames / codigo secreto” como sensacional jogo de dedução de palavras.

Decrypto e muitos outros jogos você encontra na loja e na ludoteca do ClubeNerd!

venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

PorThe Sage

Rumores de uma nova guerra do crepúsculo ecoam pela galáxia.

O trono vazio de Mecatol Rex pede um governante há milhares de anos.

As grandes raças finalmente se recuperaram da guerra anterior, conflito que jogou a galáxia numa era negra.

Então cada uma, com sua motivação própria, se dirige para o centro da galáxia.

Para o planeta de onde, por milhares de anos, os Lazax governaram e, para onde, segundo boatos, seus descendentes se dirigem: Mecatol Rex.

Em Twilight Imperium (TI) cada jogador lidera as frotas de uma das 17 grandes raças da galáxia.

Um clássico épico que existe há mais de 20 anos, TI acaba de ganhar sua mais bonita, luxuosa e elegante versão.

Finalmente, também, chega ao Brasil trazida pela Galápagos Jogos, totalmente traduzido para português.

Essa versão traz mais de 400 cartas e quase a mesma quantidade de naves em modelos detalhados em plástico de alta qualidade.

Traz também tiles hexagonais que formam uma galáxia que sempre muda de jogo pra jogo e 17 facções totalmente diferentes.

Diversos casos específicos e exceções à regra foram resolvidos, diminuindo e enxugando as extensas e complicadas regras da terceira edição.

O sistema de tecnologia que antes era ao mesmo tempo o pavor e o que mais seduzia jogadores de TI, foi simplificado e se tornou simples e intuitivo.

As estratégias e unidades rebalanceadas. É difícil achar um defeito neste jogo.

Uma partida leva entre 5 e 8 horas. Não é um jogo a ser colocado na mesa casualmente ou para qualquer público.

É um jogo-evento, de regras densas e jogabilidade intensa.

Essas horas passarão sem que veja por estar tão envolvido em tudo que acontece.

É aquele jogo que se lembra da partida de 8 meses atrás e do qual se conta histórias para os amigos.

Durante uma partida tratados serão feitos, negociações arriscadas e lucrativas ocorrerão, decisões complicadas serão tomadas, leis serão discutidas e votadas, combates épicos serão travados e traições eventualmente serão o momento decisivo do jogo.

Os objetivos mudam a cada jogo e são revelados gradualmente.

Para realizar estes objetivos os jogadores serão obrigados a interagir e lutar, mas a guerra é cara e pode enfraquecer ambas as raças.

Essa foi a lição que a guerra do crepúsculo deixou, então frequentemente é a diplomacia que prevalece, mesmo que seja a diplomacia feita a bordo de um “sol bélico”.

Recomendadíssimo para governantes a partir dos 14 anos que estejam prontos para um jogo longo, intenso e pesado, Twilight Imperium não desapontará quem busca a experiência mais épica que um boardgame pode oferecer.

Não é recomendado para iniciantes no Hobby ou para quem prefere jogos sem dependência de sorte (os combates são rolagens de dados).

Twilight Imperium 4th e muitos outros jogos você encontra na loja e na ludoteca do ClubeNerd.

Venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

PorThe Sage

Pé ante pé entre nas cavernas do covil de um dragão adormecido para roubar artefatos lendários e vencer uma desafortunada aposta. Todo cuidado é pouco para não tropeçar e CLANK!

“Clank!” é um bem humorado jogo que combina a exploração de uma rede de cavernas infestadas de goblins (sempre parece ter um ao alcance de sua espada) com uma mecânica de construção de decks de uma forma simples e com pouquíssimas regras.

Em seu turno jogue as 5 cartas de sua mão e compre novas 5. Elas lhe permitirão se mover, lutar, usar conhecimento pra adquirir novas cartas, e fazer clank (onomatopéia para falhar miseravelmente em não tropeçar e fazer um barulhão). Quase tudo é mostrado com uma iconografia fácil e precisa ou textos simples e diretos para os quais valem a máxima: “ler a carta explica a carta”.

Sempre que terminar um movimento numa sala você pode pegar um item naquela sala. Estes itens vão te ajudar, valerão pontos ou melhorarão cartas. Mas se encontrar um ovo de dragão ou roubar um dos artefatos, a fúria do dragão aumentará.

O dragão está sempre à espreita, no começo ainda sonolento, mas à medida que corre a partida ele desperta e passa a representar um perigo real para os aventureiros. Sempre que as cartas forem ser repostas, se um card com o simbolo de dragão aparece, o dragão ataca. Até a mecânica disso não poderia ser mais simples: sempre que um jogador faz barulho, ele coloca um cubinho de clank de sua cor em jogo. O dragão puxa de um saquinho um número de cubinhos e os devolve aos donos como dano.

Assim que um ladrão pegar um artefato ele pode fugir das cavernas (e só pode fugir se tiver um artefato, nem morto você voltaria de mãos abanando). Isso inicia o fim do jogo, e, em 4 turnos (em que os restantes receberão ataques constantes do dragão) as cavernas desmoronarão. Se você, por sorte, estava acima do solo, as pessoas do vilarejo te resgatarão com vida. Quem tiver mais tesouros vencerá essa disputa.

“Clank!” é um jogo extremamente popular por sua facilidade e por quão divertida é a aventura. Simples o suficiente para crianças a partir dos 10 anos jogarem sem dificuldade e profundo o suficiente para jogadores experientes se divertirem, é raro desagradar a alguém (geralmente a quem gosta exclusivamente de jogos estratégicos pesados e que não dependam da sorte).

Devo acrescentar duas coisas: compre sleeves (tamanho padrão). “Clank!”, apesar de uma produção sensacional com cartas de uma gramatura acima da média, é bastante embaralhado e precisa da proteção (o mesmo é verdade para todo deck building) e experimente o “Companion app” da Renegade (estudio que criou Clank!) Apesar de estar disponível apenas em inglês, é bem simples e deixa o jogo ainda mais divertido).

Clank! e muitos outros jogos você encontra na loja e ludoteca do ClubeNerd.

Venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

PorThe Sage

Teste os limites da sua coragem com toda sua família em Fear!

Fear é o primeiro de uma série de jogos com um conceito muito interessante: não há regras a aprender antes de jogar.

As regras são apresentadas à medida que se joga. O deck vem organizado para se jogar 10 a 15 partidas antes de chegar ao final (e poder resetar ou embaralhar) e gradualmente regras muito simples vão sendo acrescentadas.

Todas partidas são rápidas, pouco mais complexas que o clássico e amado Uno, sendo acessível para crianças adultos e idosos, podendo ser uma ótima atividade familiar. Também é uma ótima forma de apresentar novos jogos a pessoas resistentes a conhecer o hobbie.

No começo o único objetivo é evitar jogar cards de fantasma q somem mais que 15 de medo. Você tem q ou comprar uma carta ou jogar uma, e se tiver 3 cartas é obrigado a jogar. Conseguindo, uma nova regra será acrescentada (nada complicado e não estragarei a surpresa).

Depois que acabar o deck, se for jogar a primeira vez com alguém, recoloque em ordem (as cartas são numeradas). Se for jogar com as mesmas pessoas, basta embaralhar as cartas para uma experiência aleatória.

O tema de fantasmas e medo não cola muito, sendo um jogo bem abstrato. As cartas são bem feitas, coloridas e de ótima qualidade e podem ser colocadas numa caixinha bem menor e levado para todo canto.

Recomendo para famílias que queiram uma atividade leve e rápida, para jogadores procurando um jogo introdutório que caiba no bolso e seja extremamente amigável e para crianças a partir dos 8 anos.

Fear e muitos outros jogos você encontra na ludoteca e na loja do ClubeNerd.

Venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

PorThe Sage

Blefe, manipule e leve para sua tribo os tesouros piratas nas ilhas em Costa Ruana.

Os jogadores tomam o papel de líderes tribais e xamãs tentando enxergar a tática dos outros para superá-los num rápido, simples e colorido jogo com muita interação, blefe e programação de ações, além de controle de área.

Em seu turno cada jogador coloca uma carta com a face pra cima, a sua frente ou de outro jogador. Essas cartas tem uma de quatro cores e podem alocar nativos, desalocar nativos, mover uma unidade (sua ou dos oponentes) ou mover um tesouro. Depois, cada jogador coloca uma segunda carta com a face voltada para baixo.

Então, cada jogador escolhe uma carta para duplicar, a sua frente ou de outro jogador, com a face pra cima ou pra baixo, e coloca um meeple para indicar.

A pegadinha está no fato que apenas duas das 4 cores se ativarão por turno, e essa decisão está nas mãos do Shaman da rodada. Isso pode causar uma mudança tremenda de paradigma e destruir o planejamento de um jogador.

Depois deste passo se resolvem as cartas que se ativaram e que foram copiadas. Quem tiver mais nativos em cada ilha rouba um tesouro e recupera um de seus aldeões. Em caso de empate, ninguém rouba. Se dois empatarem e houver um terceiro jogador com aldeões na ilha, ele rouba o tesouro e foge.

Quem pegou menos tesouros é o proximo xamã e os tesouros são ocultos em uma simpática tenda de papel, permanecendo escondidos até o fim da partida.

Simples porém esses pequenos detalhes tornam Costa Ruana um jogo muito difícil de prever, dividindo opiniões entre os jogadores. Quem gosta do que ele oferece gosta demais do jogo e quem desgosta, o odeia.

A edição brasileira da Mandala Jogos ficou muito mais bonita que a edição americana, muito mais colorida e melhor ilustrada, com uma arte minimalista que traz muito dessa vibe tribal. Único detalhe foi a perda da pecinha de madeira do shaman para uma de papel.

Recomendadíssimo para quem gosta de controle de área e quer algo rápido, leve e diferente, com blefe e sorte, atende jogadores a partir dos 8 anos de qualquer nível de experiência com jogos.

Costa Ruana e muitos outros jogos você encontra na ludoteca e na loja do ClubeNerd.

Venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

PorThe Sage

É a noite da caçada e estamos descendo os sombrios túneis da masmorra do cálice em busca de sangue de terríveis bestas.

No mundo gótico de Bloodborne (e dos outros títulos e spin offs de Dark Souls), caçadores são poderosos e ágeis guerreiros, armados com uma arma composta em sua mão direita e uma arma de fogo em sua mão esquerda, confiando em sua agilidade e reflexos como única defesa. Sua missão varia, mas uma coisa é constante, envolve eliminar as bestas e outros perigos desse distorcido mundo.

A cidade de Yharnan é antiqüíssima, construída perto da cidade antiga e dos túneis, que dizem terem sido escavados pelos próprios antigos e pelos Pthumerians, antigos adoradores dos antigos e seus cálices.

Na cidade de Yharnan sangue é extremamente valioso. A igreja o usa para curas milagrosas. Infusões do sangue podem fechar feridas mortais e curar doenças rapidamente. Sangue se tornou uma obsessão e num mundo tão sombrio como esse, os cidadãos já não confiam em quem vem de fora da cidade e são considerados insanos por quem não é um nativo.

Você e um grupo de caçadores forasteiros foram contratados para descer o labirinto na noite da caçada, você mesmo procurando uma cura milagrosa para sua condição.

Vocês descem a masmorra num estado entre o sonho e a realidade chamado o “sonho do caçador”, um ritual ancestral que permite que caçadores escapem para essa “dimensão” em casos de emergência e para se preparar, armar e, nesse caso, armazenar em segurança os ecos de sangue coletados.

O jogo usa mecânicas simples de construção de decks, onde os jogadores começam com armas básicas e a cada vez que vão ao sonho do caçador recuperam as cartas usadas e adquirem uma nova.

Em seu turno, escolhem uma carta simultaneamente, as revelam e as resolvem na ordem de jogo. Depois o monstro que estão enfrentando ataca a todos. Quem sobreviveu, então ataca usando a carta q selecionou. Cada ponto de dano rende um eco de sangue.

Se você causou dano no round que um monstro morreu, ganha um troféu.

Os monstros são semialeatórios. Você prepara um deck de monstros com 3 chefes, 7 monstros comuns e um chefão. O objetivo é matar o chefão, que, geralmente possui regras ativas durante todo o jogo,fazendo cada partida uma experiência única.

O jogo é uma experiência de blefe, arriscar a sorte, construção de deck e manejamento de riscos e recursos, num ótimo jogo em alguns momentos cooperativo, mas com apenas um vencedor.

Produzido pela Cmon e trazido para o Brasil pela Galapagos Jogos, Bloodborne é uma belíssima produção, com marcadores lindos e eficientes, insert funcional e arte tirada dos jogos de videogame da franquia (é uma adaptação do jogo de mesmo nome, mas não tenta copiar as mecânicas, apenas a ambientação).

Rápido e sombrio, recomendo o jogo para adultos, fãs da franquia de videogames, jogadores de todos niveis de experiência. Não é recomendado para pessoas impressionáveis com sua arte e história sombrios, para jogadores que odeiem sorte em jogos (batalhas resolvidas por dados) e para crianças pelo teor da história e ilustrações.

Bloodborne e outros ótimos jogos você encontra na loja do ClubeNerd.

Venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

PorThe Sage

Parta em uma expedição para lugares exóticos em busca dos escaravelhos de ouro de Scarabya.

Scarabya é a mais nova adição aos jogos de colocação de peças. Em seu modo básico os jogadores receberão um tabuleiro modular, montado de forma igual mas com temas e visual bem diferentes.

Nele, montanhas tridimensionais indicam espaços que não podem ser cobertos e uma grande quantidade de escaravelhos está visível.

Uma carta de peça é sacada e todos jogadores a posicionam simultâneamente. O objetivo é delimitar uma área de busca de 4 espaços ou menos e pontuar pelos escaravelhos nela.

Neste modo, é um jogo sem qualquer interação, em cada jogador resolve seu próprio quebra cabeça, ganhando quem conseguir mais escaravelhos.

Além desse estão disponíveis dois outros modos de jogo.

Em um deles dois jogadores partilham o mesmo tabuleiro e peças e
Se revezam puxando cartas, colocando peças e pontuando. Este modo transforma o jogo num ótimo jogo interativo e numa competição acirrada.

O outro modo é um desafiador modo solo, em que o jogador saca cartas normalmente, mas tem que cobrir todos os escaravelhos do tabuleiro com as peças.

Com regras simples, rápido e uma boa rejogabilidade em todos seus modos de jogo, Scarabya pode facilmente ser apreciado por crianças e adultos com qualquer nível de experiência em jogos de tabuleiro.

Recomendo para quem gosta de jogos de colocação de peças, pentaminos, quebra cabeças e queira um jogo leve, muito bonito e divertido.

Scarabya e muitos outros jogos você encontra na ludoteca e na loja do ClubeNerd.

Venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

PorThe Sage

Bem vindo à grande feira de ciências! Onde as mentes mais brilhantes do mundo disputarão entre si com intrincadas invenções.

Em Gizmos você é um desses inventores selecionando e construindo projetos que, juntos, criarão um mecanismo cada vez maior, te garantindo novas possibilidades para continuar crescendo e pontuando cada vez mais.

Tudo começa bem simples. Em sua estação de trabalho estão disponíveis algumas ações básicas: arquivar (reservar um projeto), coletar energia (pegar uma bolinha do dispenser), construir (gastar energia pra construir um projeto na fila ou arquivado) ou pesquisar (comprar projetos, escolher um e executar arquivar ou construir se desejar).

Escolha uma, a execute e passe a vez. À medida que constrói novos projetos, suas ações passam a desencadear outras, te permitindo coletar mais energia, realizar múltiplas ações num único turno, arquivar e pesquisar mais eficientemente. A quantidade de combinações é quase infindável.

Para construir você depende de uma combinação de energia (representada por bolinhas de gude coloridas num dispenser muito bem elaborado) que você coleta de uma fileira de poucas disponíveis ou aleatoriamente de dentro do mecanismo.

A estratégia está em se programar de acordo com a oferta de projetos e energia, arquivar projetos e coletar a energia antes de seus oponentes pra impedir que construam o que deseja, no entanto é um jogo mais tático, exigindo que você reinvente a sua estratégia durante o jogo diversas vezes.

Com uma jogabilidade rápida, iconografia muito eficiente e programação visual clara, Gizmos é um ótimo jogo para servir de ponte entre jogadores com diferentes níveis de experiência que apreciem uma quantidade equilibrada de sorte, tática e estratégia, criando mecanismos novos a cada partida, podendo seduzir de jogadores que estejam começando no hobbie e já tenham experimentado dois ou três jogos de entrada (jogos que preparem um novo jogador para a variedade dos jogos modernos) até jogadores experientes que prefiram jogos mais complexos.

Gizmos e muitos outros lançamentos você encontra na ludoteca e na loja do ClubeNerd.

Venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

PorThe Sage

Encarne um investigador no ano de 1899 tentando solucionar um crime antes de seus parceiros.

Na virada do século XIX uma onda de crimes tomou Londres. Cada jogador é um detetive ajudando a Scotland yard a solucionar um crime diferente.

Em 13 clues a idéia clássica de descobrir o criminoso, local do crime e a arma utilizada é trazida de volta com um novo método investigativo, mais complexo, interativo e interessante, ao mesmo tempo em que mantém uma certa simplicidade.

Cada jogador receberá 5 cartas, 3 delas serão a solução do investigador ao seu lado e ficarão expostas na parte externa de um pequeno biombo para todos jogadores, exceto para ele. Além dessas, 2 ficarão expostas apenas para você, dentro de seu biombo pessoal. As 5 são inocentes para você. As que você vê de seus oponentes, também.

As cartas tem cores e categorias (gênero do culpado, local aberto ou fechado, arma de curto ou longo alcance) e, através de perguntas sobre quantas cartas de uma dessas categorias determinado jogador está vendo (ele está vendo 5 cartas que você não está, as suas 3 e as 2 de dentro do biombo dele) e algumas outras formas de questionamento, você deve deduzir a solução do crime que está investigando.

Prestar atenção na resposta às perguntas de outros investigadores pode ser a chave de seu sucesso, já que quanto maior quantidade de informações que puder juntar, melhor sua chance de desvendar o crime.

13 clues é ilustrado de forma leve e a edição que chegou ao Brasil pela Galapagos jogos corrige diversos problemas da edição original. Apesar do tema, o visual ajuda a ser um bom jogo para crianças a partir dos 8 anos e é recomendado como um jogo mais leve para um grupo de adultos.

13 Clues e muitos outros jogos você encontra na ludoteca e na loja do ClubeNerd.

Venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

Vivencie a felicidade!

PorThe Sage

Controle poderosos heróis devotos a deuses com tecnologia avançada numa agressiva disputa por dominação da grécia antiga.

O Império Micênico caiu e Hellas afundou em caos. Confusão e morte se espalham pela terra e seis heróis foram escolhidos para reestabelecer a ordem. No entanto, corrompidos pela ganância, decidiram guerrear pelo domínio do império.

Atraídos pela carnificina, seres com tecnologia avançada chegam a este mundo, oferecendo auxílio e fomentando a guerra entre os heróis.

Lord of Hellas sugere que os deuses seriam alienigenas com conhecimentos além da imaginação do povo grego, invadindo, lutando por território, sacrifícios, caçando e influenciando a vida de todos.

Até 6 heróis disputarão templos, construirão monumentos e controlarão territórios e caçarão bestas míticas (as 4 condições de vitória do jogo) em nome desses deuses.

Cada jogador começa com atributos e poderes diferentes e isso se acentua durante o jogo a depender de sua estratégia e seleção de cartas de bençãos.

A produção do jogo é um espetáculo à parte, com algumas das mais impressionantes esculturas do mercado e arte muito bem feita, ele chama a atenção de qualquer um que o veja na mesa.

Sutileza não está no manual desse tabuleiro. O combate está sempre presente, a interação é direta e os jogadores se influenciam o tempo todo, o que não permite, muitas vezes, que se optimize os movimentos e ações e sim, que se valorize tática e pese o resultado de cada conflito à medida em que acontecem.

Com diversos caminhos para a vitória, o jogo incentiva que se alcance algum desses objetivos rapidamente, o que faz tudo ser ainda mais rápido e intenso em Lord of Hellas. Se ninguém impedir, em apenas 4 turnos alguém pode desencadear o fim de jogo se quiser, e, embora isso não seja vantagem, a possibilidade está sempre presente. Apesar do tamanho, raramente passa-se mais que uma hora e meia por partida.

As regras de Lord of Hellas, analisadas separadamente, são simples, mas a quantidade de detalhes e possibilidades o tornam recomendável para jogadores mais experientes que apreciem conflito direto.

Frequentemente comparado com “Rising Sun” (jogo financiado em período próximo e também localizado pela Galápagos jogos), Lord of Hellas oferece uma experiência mais aberta, com mais possibilidades de manipulação pelos jogadores, mais rápida, direta e mais intensa, enquanto Rising sun é mais longo com conflito indireto, táticas mais sutis e traição sempre presente, sendo indicado que se experimente ambos para sentir qual é mais seu estilo.

Ao contrário de seu concorrente direto, Hellas oferece ainda um modo campanha para se jogar solo.

Lord of Hellas, Rising Sun e muitos outros jogos você encontra na loja e ludoteca do ClubeNerd.

Venha jogar conosco!

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo dos jogos de tabuleiro! Siga-nos nas redes sociais:

Facebook/ClubeNerdBH | Instagram/ClubeNerdBH

Vivencie a felicidade!